Ópera Condor abre temporada 2019 do Theatro Municipal do Rio

A ópera Condor, última composta por Carlos Gomes, abre nesta sexta-feira (15) a temporada 2019 do Theatro Municipal do Rio de Janeiro. A obra em três atos tem como artistas convidados a soprano Eliane Coelho e o tenor Fernando Portari. Antônio Carlos Gomes foi o mais importante compositor de ópera brasileiro.

O diretor artístico do Theatro Municipal, André Heller-Lopes, informou que a ópera Condor abre também as comemorações dos 110 anos do local, ao mesmo tempo em que celebra a chegada do maestro Luiz Fernando Malheiro como diretor musical da casa. Malheiro será o regente da obra de Carlos Gomes, que estreou em 1891, no Teatro Scala de Milão, e não era executada no Rio de Janeiro há 75 anos.

“Resolvemos fazer deste primeiro semestre um semestre de aniversário”, destacou Heller-Lopes. As comemorações serão abertas pela ópera de Carlos Gomes e encerradas no dia 14 de julho com a grande ópera francesa Fausto, que reunirá juntos o coro, a orquestra e o corpo de baile do Municipal.

O diretor artístico ressaltou também na programação do aniversário a primeira coreografia para balé assinada por Thiago Soares, “filho da casa” e hoje famoso bailarino internacional, sobre a obra do compositor romântico francês Hector Berlioz, cuja morte completa 150 anos em 2019. Em junho, haverá concerto em homenagem ao maestro e compositor brasileiro Claudio Santoro, que celebra 100 anos de nascimento este ano.

Festejos múltiplos

A programação traz também a ópera Os Contos de Hoffman, de Jacques Offenbach, que teve sua estreia em Paris, na Opéra-Comique, em 10 de fevereiro de 1881. Considerado o pai da opereta francesa, Offenbach comemora 200 anos de nascimento. Está previsto ainda um concerto de Anton Bruckner, compositor austríaco conhecido por suas sinfonias e missas, com a orquestra sinfônica regida por Luiz Fernando Malheiro.

“A gente está tentando trabalhar com muito pé no chão, com muito cuidado, para poder honrar as coisas que promete, restabelecendo o nome do teatro, a relação de carinho com o público tradicional que a gente gosta tanto”, disse Heller-Lopes. Simultaneamente, há a preocupação de abrir o Theatro Municipal para novos públicos.

Nesse sentido, todos os espetáculos terão um domingo com preço a R$ 1 o ingresso, ou um domingo popular, com bilhetes a R$ 10. No caso da ópera Condor, de Carlos Gomes, o domingo 17 de março, às 17h, terá ingressos a R$ 10, para qualquer seto do teatror. “Eu quero repetir muito uma coisa que eu fiz em 2017, quando fui diretor artístico pela primeira vez, que é poder ver as pessoas correndo para terem a chance de estar nesse lugar fantástico que é o Theatro Municipal. Um privilégio estar nesse lugar tão bonito.”

O Theatro Municipal do Rio de Janeiro, localizado na Praça Floriano, centro da cidade, tem lotação de 2.226 lugares e é vinculado à Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro.

Fonte: Agência Brasil/EBC – Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: